Mais de 2000 Policiais Civis, de todas as regiões do estado, participaram da passeata convocada pelo Sinpol na manhã desta terça-feira (18). A manifestação acabou no Palácio do Governo, onde uma comitiva foi recebida para finalmente iniciar uma negociação concreta com a categoria. Vale ressaltar, infelizmente, que o diálogo só foi possível depois de grandes mobilizações e a ameaça de paralisação.

Após a reunião entre a comitiva e representantes do governo, a diretoria do Sinpol apresentou os termos propostos pelo governo à categoria, que decidiu – em respeito ao povo pernambucano – não paralisar os trabalhos durante o carnaval.

Na reunião, o governo se comprometeu a apresentar no próximo dia 11 de março uma proposta concreta aos Policiais Civis. No mesmo dia, a categoria fará nova assembleia para deliberar sobre a proposta que o governo apresentará horas antes. Mesmo sem ter motivos para isso, mais uma vez os Policiais Civis de Pernambuco deram um voto de confiança ao governo.

Vale ressaltar que o movimento de entrega do pjes será mantido e reforçado pela diretoria do Sinpol até o dia da reunião com o governo.

O movimento está reivindicando a correção de uma grande injustiça que vem incidindo sobre a categoria desde 2010, quando a carga horária aumentou duas horas sem um reajuste salarial proporcional, condições de trabalho para melhor servir a população e o reenquadramento daqueles que ingressaram recentemente na corporação.

Deixe seu comentário