O Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco (Sinpol-PE) recebeu com boas expectativas a nomeação do colega, Nehemias Falcão, como novo chefe de Polícia do estado. Ele sempre foi um homem de bom trato e ao longo de sua trajetória profissional também demonstrou ser alguém que investe e reconhece a importância do diálogo.

Para o presidente do Sinpol, Áureo Cisneiros, essa é uma ótima oportunidade para que a categoria que representa finalmente seja ouvida e respeitada, até porque enfrenta a criminalidade na ponta, tendo muito a contribuir para uma redução ainda maior da criminalidade em Pernambuco. “Trabalhei com Nehemias, sei da sua competência e, sinceramente, acho que na atual conjuntura não teria quadro melhor para chefiar a Polícia Civil de Pernambuco do que ele. Desejamos muito sucesso e, desde já, nos colocamos à disposição para colaborar, sempre que houver espaço para o diálogo”, afirma.

Assim, levando em conta todas as medidas de segurança contra a proliferação da COVID-19, a diretoria do Sinpol manifesta seu interesse em reunir-se o mais breve possível com o novo chefe, para imediatamente compartilhar ideias, sugestões e se colocar na linha de frente da defesa do Policial Civil e do povo pernambucano.

Portanto, os Policiais Civis são o maior patrimônio da PCPE; a proteção dos homens e mulheres da nossa Instituição deve ser sempre o objetivo do Chefe de Polícia, e é isso que esperamos dos nossos gestores. O bem-estar dos Policiais Civis é a segurança do nosso povo.

Deixe seu comentário