Em assembleia geral realizada ontem (25) na sede do Sinpol, os policiais civis de Pernambuco aprovaram a proposta de alteração do PCCV (Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos) da categoria. A proposta tem sido elaborada nos últimos 90 dias por uma comissão composta por diretores do Sinpol e técnicos do Governo do Estado. Agora, o texto será levando ao executivo estadual para que se transforme em um Projeto de Lei Complementar para ser enviado à Assembleia Legislativa. 

A proposta completa foi apresentada na assembleia para os policiais presentes. Dentre as principais alterações no PCCV, está a do percentual entre letras de 2% para 3%. Também serão feitas alterações no percentual entre níveis, de QPC1 para QPC2, de QPC2 para QPC3 e de QPC3 para QPCE, todos de 3 para 7%. As alterações dos percentuais entre níveis de qualificação (160h, 240h e 360h) foram de 5% para 10%. 

A proposta traz a alteração na gratificação de função policial de 100% para 225%, como consta em nossas pautas de reivindicação. Também haverá enquadramento por tempo real de cada servidor e correção de todas as distorções dos enquadramentos.

Os indicadores da avaliação de desempenho ficaram acordados nos seguintes: trabalho em equipe; assiduidade e pontualidade; capacidade profissional; sigilo; hábitos de segurança; atendimento ao público; responsabilidade e compromisso; ética; controle emocional; compartilhamento de informações e conhecimentos.
SEMINÁRIOS

O mês de maio foi escolhido pela diretoria do Sinpol para realizar Seminários e apresentar aos policiais civis a proposta de reformulação do PCCV. O primeiro Seminário aconteceu no Recife, na sede do Sinpol, no dia 16 de maio. No dia 19 o Sindicato apresentou a proposta do PCCV e debateu o assunto na cidade de Petrolina, contando com um número significativo de policiais do sertão pernambucano. Já no dia 23 de maio as cidades do agreste do estado, Caruaru e Garanhuns, puderam discutir o assunto e contribuir para o novo Plano. Durante os Seminários questões como aposentadoria, progressão, avaliação por desempenho e outros temas relacionados à carreira foram analisadas e todos os pontos do novo PCCV colocados em pauta.

Discussão1 Comentário

  1. Jose Paulo Soares de Azevedo Filho

    Nessa nova proposta, os aposentados serão beneficiados ou servirá só para os da ativa? Aposentei-me em final de outubro do ano passado e não pude comparecer à reunião pois, estava em Fortaleza a passeio. Por favor, tirem essa dúvida. Desde já, agradeço a atenção.

Deixe seu comentário