Atendendo à convocação do SINPOL-PE, Policiais Civis de todas as regiões do Estado marcaram presença na última quarta-feira (17), da Assembleia Geral Extraordinária, que deliberou sobre as tratativas da reunião de negociação da nossa pauta de reivindicação com o Governo de Pernambuco, que ocorreu na quinta-feira (11). A presença de todos foi de fundamental importância.

“Deliberamos em assembleia que não podemos esperar pelo Governo em “berço esplêndido” e, por isso, devemos “olhar pra frente”, ou seja, quem não entregou o PJES até agora, a hora de entregar chegou, e quem não está fazendo OPC pelo pé, a hora de fazer é agora! E em dezembro voltaremos a discutir nossa pauta salarial com o governo, mas não vamos esperar o Estado dizer como devemos discutir. Por isso, a categoria deliberou em assembleia que vamos reforçar nossa luta ainda mais nesta reta final na entrega do PJES e na OPC” relatou o presidente do SINPOL, Rafael Cavalcanti.

Também ficou deliberado em Assembleia que a categoria não participará de nenhuma escala voluntária, incluindo Operação Zodíaco e Operação Verão. “Não podemos deixar de destacar os pontos que já avançaram, como Lei Orgânica, Legalização de Atribuições, Acumulação de Cargos como profissional de saúde, que serão tratados em Grupo de Trabalho a ser formado ainda neste mês de dezembro, além da alteração da nossa forma de remuneração para Subsídio, que também foi um ponto já superado.
A questão salarial será tratada na próxima reunião, também em dezembro”, afirmou Rafael.

No dia 09 de Dezembro ficou deliberada uma nova assembleia, com passeata pelas ruas do Recife. “Estamos chegando na reta final, portanto, a HORA É AGORA, POLICIAL CIVIL! Vamos reforçar nossa luta pela nossa valorização profissional, pelo fim da clandestinidade funcional e por mais respeito e investimento em nossos postos de trabalho”, reforçou o presidente.

Deixe seu comentário